Papo Lendário #139 – O Folclore dos Ouvintes

Vertuno e Pomona
18/04/2016
Morrigan
21/04/2016

Neste episódio do Papo Lendário, Leonardo, Nilda Alcarinquë e o convidado Andriolli Costa leem as sinopses dos ouvintes sobre folclore nacional.

Junto ao Colecionador de Sacis, o Mitografias promoveu um concurso onde os ouvintes poderiam nos enviar sinopses relacionadas ao nosso folclore brasileiro (veja mais).

Além de ler as sinopses, nossa equipe anuncia neste episódio os dois vencedores desse concurso.

LINK

O Colecionador de Sacis

————————————————————————————————————————————————————————–
Padrim do Mitografias

  • IGOR AZRAK

    Toada de Parintins

    Boi tatá(escrito separado) – de Jorge Miranda

    Um brilho no rio
    Em noite escura
    É fogo fátuo

    Gênio protetor dos campos
    E das águas
    Cobra grande
    Boiaçú
    Boiúna, boiúna
    Sucurijú
    A fera que surge do nada

    Corre no corpo o arrepio
    O sangue nas veias fica frio
    Um fogo que água não apaga

    Um facho de luz ilumina a escuridão
    Seus olhos de fogo incandeiam

    Tapando os furos
    Singrando os rios

    A dona da noite
    A boca da noite
    A dona da noite
    Vai chegar

    Boitatá, boitatá
    Fogo no ar, fogo no ar
    Cobra de fogo
    Boiaçú
    Boiúna flutua

    Boitatá, boitatá
    Fogo no ar, fogo no ar
    Cobra de fogo
    Boiaçú
    Boiúna flutua

    https://www.youtube.com/watch?v=UCPTjbk2pjo

  • Andriolli

    Agradeço novamente pela oportunidade, pessoal! Que o concurso possa inspirar e encantar os ouvintes, gerando novas obras inspiradas em nosso folclore!