Escritos Lendários – Um Mundo de Mitos

Papo Lendário #86 — Hare Hare
27/08/2013
Papo Lendário #87 — Uma Introdução à Psicologia
10/09/2013

Volta ao Mundo em 80 Mitos – de Rosana Rios

Mitos existem em todas as culturas deste planeta: Europa, África, Ásia, América e Oceania.
Reunir e recontar estes mitos é o que Rosana Rios faz neste livro, com uma seleção de 80 histórias das mais variadas culturas que são  apresentados ou reapresentados aos leitores.

Histórias amplamente conhecidas, como o Dilúvios Bíblico ou a Ilíada, são narradas aqui, cumprindo a função que o livro tem: apresentá-las a crianças, adolescentes e adultos que não as conhecem ainda. Se o livro se resumisse aos mais conhecidos mitos ocidentais seria mais uma coletânea como muitas outras existentes.

Mas por ter um vasto conhecimento sobre mitologia e contos de fadas, Rosana Rios nos traz uma variedade representativa de mitos: Maoris, Lapões, Galeses, Quechuas, Kaigangs, Iorubás, Ashantis, Hindus, Chineses, Japoneses e vários outros povos tem mitos recontados e apresentados aos leitores, que não os encontram normalmente em outras coletâneas.

O livro começa com uma breve introdução sobre mitos e mitologia, com conceitos básicos explicados de forma a serem facilmente entendidos e depois começa a apresentação propriamente dita, com os mitos divididos por diversas regiões do planeta. Cada região é apresentada com uma breve explicação sobre sua importância histórica e/ou cultural e características principais. Há pelo menos pelo menos um tipo de mito por região: criador, teogônico, naturalista, etiológico, heróico e escatológico.

gilgamesh

Oriente Médio:

Foi uma grata surpresa ver que os primeiros mitos a serem apresentados são o Enuma Elish, o mito sumério da criação do mundo, a descida de Ishtar e Gilgamesh. Apesar de serem das mais antigas histórias registradas no mundo, elas não são encontradas normalmente nas coletâneas de mitos por aqui publicadas, e até mesmo em publicações individuais.

Além destes temos mitos bíblicos, persas e árabes, completando o mosaico desta região que tanta influencia tem sobre a cultura mundial.

Deuses_egipcios

África:

Ao tratar da África, a autora nos conta histórias como a de Ìsis e o nome secreto de Rá, Nzamé, Anansi e Aiwl Longar. Lendo os mitos do antigo Egito e da África sub-saariana percebi o quanto este grande continente ainda me é desconhecido.

Por mais que tenhamos ancestrais africanos, histórias dos orixás e de costumes e tradições africanas ainda podem nos soar estranhas e, ao mesmo tempo, familiares.

Ásia:

Por ser o maior continente do planeta, é habitado por povos muito diferentes e de diversas origens e seus mitos refletem esta diversidade.

Com mitos chineses, indianos, tibetanos e japoneses, Rosana Rios os mostra um mundo cheio de dragões, serpentes e seres iluminados. Yi e os dez sóis, O macaco ancestral, Amaterasu, Brahma e Shiva, o destruidor, estão entre as histórias selecionadas para mostrar a riqueza, força e beleza dos mitos asiáticos.

Rei Arthur

Europa:

É o continente com o maior número de histórias do livro. Não podia ser diferente, pois foram os mitos que acabaram moldando a nossa cultura e os que temos maior acesso.

De forma resumida a autora nos apresenta as principais histórias das mitologias grega, nórdica e medieval, além de histórias representativas dos mitos germânicos, celtas, britânicos e galeses. E as três histórias selecionadas para representar o ciclo de mitos Arthurianos são de leitura indispensável para quem gosta das histórias relacionadas à Távola Redonda, Merlin e o Graal.

Oceania:

Apesar de ser a que tem a menor quantidade de mitos é a que mais me chamou atenção. Apesar do conceito de tabu ser um conceito originário da cultura maori não conhecia nenhum mito maori, e muito menos neo-zelandês, aranda ou polinésio. Foi uma grata surpresa ler histórias como A Donzela da Terra e Alchera, o tempo do sonho.

América:

É o nosso continente, mas o que acamamos conhecendo dos mitos existentes antes da chegada dos europeus é muito pouco perto da diversidade existente no período pré-colombiano. E muito do que foi preservado dos povos Inuit, Sioux, Maias, Incas, Mapuche, Kamaiurá, Tupi, Carajá ou Kaigang é desconhecido dos não estudiosos do tema. Trazer parte destas histórias para este livro é um trabalho de resgate e divulgação da nossa cultura nativa e que influencia parte do que somos até hoje.

O Mundo dos Mitos com Rosana Rios

A Volta ao Mundo em 80 Mitos é um livro que me trouxe gratas surpresas e, por ser uma das poucas coletâneas brasileiras que se preocupou em apresentar mitos de diversas partes do mundo, é um livro que manterei sempre à mão para consulta e que recomendo a todos que queiram ir um pouco além da mitologia européia.

Também recomendo que leiam as outras obras de Rosana Rios sobre mitologia. Apesar da maioria dos 130 títulos que já publicou serem destinados ao público infanto-juvenil,  alguns de seus livros são voltados à apresentação de mitos e contos de fadas ao público em geral e merecem ser procurados e lidos. Com certeza ainda apresentarei outros títulos dela nesta coluna.

RIOS, ROSANA: Volta ao Mundo em 80 Mitos. Artes e Ofícios. Porto Alegre-RS. 2010