O Aniversário de Ganesha

Lago Owel
O Lago Emprestado
18/08/2016
Papo Lendário #146 – Além da Igreja Romana
23/08/2016
Ganesha
Traduzido e Adaptado por Rafael Brito

Era o dia do aniversário de Ganesha, e ele fora convidado a um jantar na casa de um devoto. Lá, Ganesha fez uma refeição muito pesada e, ao voltar para casa (montado em seu rato), encontrou uma cobra no caminho. Ao vê-la, o rato se assustou e fugiu, derrubando Ganesha. Com a queda, o estômago de Ganesha, que estava muito cheio, acabou estourando. Diante da cena, a lua pôs-se a rir. Ganesha, muito humilhado, matou a cobra e com ela amarrou seu estômago. Então, ele correu atrás da lua, para se vingar desta. A lua conseguiu fugir, e escondeu-se em seu palácio. Logo, o deus chegou ao local e, montando guarda do lado de fora, perguntou à lua: “Aonde irás agora? Cedo ou tarde terás de sair, e então terei minha vingança”.

Ganesh_on_rat_statue

Logo, tudo ficou realmente escuro, visto que a lua se recusava a sair. Deu-se o caos na terra. Os deuses, então, rogaram a Ganesha que libertasse a lua. O deus finalmente cedeu e a libertou, mas lançou-lhe uma maldição: “Te escondeste em teu palácio tal qual um ladrão. Deste modo, aquele que a vir no dia do meu aniversário será implicado como ladrão”. Esta é a razão pela qual não se deve olhar para a lua nos auspícios do Chaturthi de Ganesha.

Ganesha_rato